FGTS extraordinário: Saiba como recorrer caso seu FGTS extraordinário não tenha sido depositado

Saiba como recorrer caso seu FGTS extraordinário não tenha sido depositado

O calendário de depósitos extraordinários do FGTS termina esta semana. As demissões estão em vigor desde abril e o que parece ser um procedimento simples tem sido uma fonte de frustração para muitos trabalhadores.

Anuncios

Durante este período houve vários relatos de trabalhadores sendo pagos a fiança extraordinária do FGTS não ocorra conforme planejado. A iniciativa do governo federal por meio do Ministério da Economia e da Caixa Econômica Federal (CEF) libera até R$ 1.000 para funcionários com saldo nas contas ativas e inativas do fundo de compensação.

Depósitos foram publicados na ordem do mês de nascimento dos trabalhadores, a partir de novembro.

O encerramento ocorre na próxima quarta-feira, 15 de dezembro, em favor dos aniversariantes de dezembro. No entanto, quem não estiver atento ao calendário ou não tiver interesse em sacar os recursos agora tem até 15 de dezembro para resgatá-los.

O saldo extraordinário do FGTS será automaticamente transferido para uma conta Caixa Tem de titularidade realizada pelo trabalhador. No entanto, caso o benefício não tenha sido depositado diretamente, os recursos devem ser solicitados.

Anuncios

Segundo a Caixa Econômica, as seguintes circunstâncias podem resultar na suspensão do FGTS:

Garantia para operações de crédito em antecipação ao Saque Jubileu;
Condenação judicial;
Pedido de ressarcimento do valor arrecadado pelo empregador;
Dados conflitantes.

Para não invocar o extraordinário Liberação do FGTS

O FGTS extraordinário não depositado também pode estar vinculado ao fornecimento de dados incorretos ou incompletos, que se tornaram um obstáculo para a abertura de conta Caixa Tem. Nesse caso, o empregado deve contestar o pedido de benefícios.

Para isso, basta acessar o aplicativo do FGTS e inserir os dados solicitados na plataforma. No entanto, antes que o cidadão solicite o saque do dinheiro, ele deve certificar-se de que seu CPF está correto e que nada atrapalhe a abertura de sua caderneta de poupança digital. Aqui está um passo fácil para quem está acessando o aplicativo pela primeira vez:

FGTS extraordinário
FGTS extraordinário
FONTE GOOGLE

Pesquise FGTS na sua loja de aplicativos do celular. Clique em Instalar e abra o aplicativo

Selecione a opção Cadastrar;
Preencha todos os dados necessários: CPF, nome completo, data de nascimento, e-mail e cadastre uma senha de acesso;
A senha deve ser numérica, com seis dígitos. Para quem já utilizou o aplicativo, você pode repetir o mesmo número de senha que usou anteriormente;
Após inserir seus dados, clique no botão Não sou um robô;
Você receberá um e-mail de confirmação para o endereço de e-mail fornecido por você. Acesse e clique no link enviado;
Após o cadastro, abra o APP e compartilhe o CPF e a senha cadastrada;
Após o login, você verá algumas perguntas adicionais sobre sua vida funcional;<br >Após responder essas perguntas , você deve ler e aceitar os termos de uso do aplicativo clicando em Concordo;
Ali você já pode usar o APP do FGTS e aproveitar todas as novidades.

You May Also Like